'The Wall': Baterista do Pink Floyd bate McLaren de R$ 11,5 milhões em prova

Nick Mason, que é conhecido por gostar de carrões, não deu sorte em prova disputada em Goodwood Circuit, Reino Unido

Relacionadas

Conhecido por colecionar carros esportivos e de corrida, o ex-baterista do Pink Floyd, Nick Mason, bateu no muro sua McLaren F1 GTR avaliada em cerca de R$ 11,5 milhões neste fim de semana, durante uma prova de esportivos disputada por membros do Goodwood Circuit, no Reino Unido. 

Mason participava de uma volta de exibição, quando perdeu o controle da máquina. Antes de entrar na pista, ele estava animado pela oportunidade de dirigir seu "incrível carro" - um dos mais caros de sua coleção - e dava entrevistas falando da empolgação. O músico saiu ileso do acidente, mas a parte dianteira da McLaren ficou completamente destruída.

O carro envolvido no acidente alcança altos valores de mercado por conta de sua produção limitada.

Assista ao acidente:

 

MAIS SOBRE:

velocidade McLaren
Comentários